Motoclube Pelotão IDE elege Diretoria para o ano de 2024.

No ano do décimo aniversário o Motoclube Pelotão IDE elege a nova diretoria para o ano de 2024. 

O evento, como de costume, e de acordo com o estatuto, aconteceu na sede do Motoclube, em Samambaia Norte, Brasília-DF, na tarde deste sábado, 02 de dezembro de 2023. A comissão eleitoral, também de acordo com o nosso estatuto, foi composta pelas dependentes Nina Rodrigues e Raquel Pinheiro.

Os cargos em disputa foram preenchidos da seguinte forma: Para presidente, foi reeleito o atual Presidente Nilson José da Silva; para vice-presidente, foi eleito Marcondes Santos; para tesoureiro foi reeleito Aricélio Felix; Para Secretário foi reeleito Wesley Lima e para Diretor de Eventos foi eleito Isaque Rodrigues. Neste ano tivemos a modalidade de eleição on line, onde os membros ausentes puderam participar por vídeo conferência e expressar suas vontades.
“Esperamos dar o nosso melhor, e que o nome de Jesus possa se fazer conhecido também por nosso trabalho e que possamos nos empenhar ao máximo para isto”, disse Nilson Silva, o presidente reeleito.

Sobre o Moto clube Pelotão IDE:

O Moto clube Pelotão IDE foi fundado em 03 de dezembro de 2013, por cristãos evangélicos residentes em Brasília DF. Em 09 de dezembro de 2014, realizou a primeira eleição para diretoria definitiva, com o estatuto já aprovado. Entre as bandeiras da associação está a divulgação dos ensinamentos de Jesus Cristo, a amizade, a cordialidade e a participação em eventos de caráter assistenciais. 

moto esportiva com paisagem

Dia Internacional da Mulher: Triumph promove e apoia ações especiais para o público feminino

Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, a Triumph está promovendo e patrocinando ações especiais voltadas para o universo feminino durante o mês de março. 

A Triumph lançou, no ano passado, o projeto “Women For The Ride”, para valorizar o público feminino e aproximá-lo ainda mais da marca. Hoje, 8 de março, Dia Internacional da Mulher, acontece a live “Mulher: por que começar a pilotar uma moto”, sob o comando da jornalista Karina Simões, Embaixadora da Triumph no Brasil. 

A live faz parte do projeto “Lugar de Mulher”, idealizado por Karina e patrocinado pela Triumph, cujo objetivo é promover discussões sobre o papel da mulher em diversas áreas, inclusive no universo de motocicletas e automóveis. 

Na live de hoje, que acontece às 20h, Karina Simões terá a companhia da jornalista Eliana Malízia (responsável pelo site Acelerada) e de Bruna Wladyka (fundadora do portal Elas Pilotam), ambas motociclistas experientes, para debaterem o tema proposto. Além dessa ação, o projeto “Lugar de Mulher” prevê diversas outras lives ao longo deste mês, sempre tendo a mulher como protagonista. Para assistir as lives, basta acessar o canal de Karina Simões no You Tube: www.youtube.com/ks1951.

d85ad9eea53cd3e87ac81ebaaf4bd803[1]

Honda é a grande vencedora do Prêmio maior valor de revenda motos

A Honda conquistou 5 prêmios no Selo Maior valor de Revenda – Motos 2020, em estudo promovido pela Agência Auto Informe. Em sua 5º edição, 107 modelos concorreram em 17 categorias em pesquisa que indica as motocicletas com menor depreciação do mercado, ou seja, aqueles que mais preservaram o valor investido pelo proprietário

De acordo com o estudo da pesquisa, os modelos da Honda se destacaram pelo baixo índice de desvalorização e por consequência, apoiados por um conjunto de competências como ampla rede de concessionários, manutenção fácil e econômica, disponibilidade de peças e credibilidade do modelo junto ao consumidor. Um conjunto de fatores que reverte em um bom valor de revenda, confiabilidade e maior valor de mercado frente aos concorrentes.

A linha CG 160, foi eleita a campeão geral e vencedora na categoria street, com a menor depreciação do mercado entre todos os modelos participantes (4,6%). É o menor índice conquistado por um modelo desde a primeira edição do prêmio. Veículo mais vendido do Brasil em todos os tempos com mais de 13 milhões de unidades, a linha CG é composta pelos modelos CG 160 Start, CG 160 Fan e CG 160 Titan e em 2021, comemorará 45 anos de mercado.
Confira abaixo os vencedores em cada categoria:

Além de ter a campeã geral, a Honda foi também a marca que obteve o mais número de títulos por categoria, cinco no total. A marca venceu nas categorias:

Crossover com a CB 500X

Motoneta com a BIZ 110i/125i

Scooter até 200 cc com a PCX 150

Sport acima de 800 cc com a CBR 1000 RR Fireblade

Outras treze motocicletas, de oito marcas, foram contempladas no Selo Maior Valor de Revenda Motos 2020, são elas:

Shineray XY50 (categoria 50 cc)

BMW F750 GS (Big Trail até 800 cc)

BMW F850 GS (Big Trail acima de 800 cc)

Triumph Street Twin 900 (Clássica)

Kawasaki Vulcan S 650 (Custom até 800 cc)

Harley-Davidson XL883N Iron (Custom acima de 800 cc)

Yamaha MT-07 689 (Naked até 800 cc)

Yamaha MT-09 850 (Naked acima de 800 cc)

Kymco Downtown 300i (Scooter acima de 200 cc)

Kawasaki Ninja 400 (Sport até 800 cc)

Yamaha XTZ 250 Lander (Trail)

BMW G310 GS (Trail Média)

Harley-Davidson Road Glide (Touring).

 

my21_tease_hg[1]

Nova família Bonneville chega ao Brasil apenas no 2º semestre

A Triumph anuncia hoje, globalmente, atualizações em toda a sua família Bonneville de motocicletas clássicas. As inovações valem para todos os modelos, mas eles só chegam ao mercado brasileiro no segundo semestre.

A linha de motocicletas clássicas da Triumph, que pertence à icônica família Bonneville, está mudando. Suas motos estão ganhando melhor desempenho, novas capacidades, novo visual, equipamentos ainda mais modernos e novos acessórios, reforçando sua vocação para a personalização. Com uma linhagem inigualável que remete à primeira e icônica Triumph Bonneville de 1959, a família Bonneville modern classic de 2021 atualizada abrange o lendário espectro de motocicletas tradicionais de design britânico.

Os novos modelos começam a ser montados na fábrica de Manaus (AM) em junho e devem chegar às 18 concessionárias no segundo semestre, fazendo uma verdadeira revolução no segmento das clássicas. Até lá, porém, o consumidor brasileiro terá a oportunidade de adquirir a linha atual de clássicas da Triumph por uma relação custo-benefício incrível, com descontos tentadores e condições ainda mais especiais pelo financiamento oferecido pelo Triumph Smart.

Outra novidade é que, em breve, chegará às Concessionárias uma nova linha exclusiva de Clássicas Customizadas Triumph (TCM), com os modelos Bobber Black e Street Twin, que serão customizadas com acessórios originais Triumph e também com visual ousado e personalizado.

“Sabemos do gosto do consumidor brasileiro por novidades, e também estamos ansiosos com esta nova família Bonneville. Mas precisamos lembrar aos nossos clientes que estas últimas unidades das clássicas atuais serão comercializadas com condições nunca antes vistas – e podem se tornar a oportunidade de muitos consumidores iniciarem sua trajetória no universo das motocicletas com estilo retrô, mas com tecnologia de ponta”, afirma Renato Fabrini, General Manager da Triumph no Brasil.

Top10

Top Ten Motocicletas mais vendidas em outubro 2020

Outubro com tendência de estabilidade para o mercado de motos no Brasil, com uma queda de apenas três pontos percentuais. Caímos de 99.661 para 96.159 motocicletas emplacadas no décimo mês do ano. A relação entre outubro de 2019 e outubro do 2020, também reflete estabilidade, com uma queda de apenas 2,29%

No entanto, quando comparamos os números do acumulado dos 10 primeiros meses do ano, a queda foi de 18,75%, (o mês passado o percentual estava em 20,78% negativo),em nosso entendimento, perfeitamente normal, tendo em vista que que os meses do primeiro semestre do ano foram de parada e retração de muitos setores da economia, devido á pandemia. Muitas empresas fecharam as portas sem expectativa de voltar….

nmax-160-abs-2021-3[1]

Yamaha Nmax 160 ABS 2021 estará disponível com novidades já na primeira quinzena de dezembro

Modelo custará r$ 14.490,00 e virá totalmente remodelado.

O NMAX 160 ABS 2021 chega totalmente novo, com design MAX Series moderno e sofisticado e outras tantas evoluções. Segue sendo o mais potente e seguro scooter da categoria, com a maior garantia do mercado, de 4 anos, mas agora ganhou itens que o tornam mais completo, como: Smart Key, sistema Start & Stop inteligente, tomada 12v, painel 100% digital, conjunto óptico e lanterna em LED, sistema de pisca-alerta, tanque de combustível maior, amortecedores traseiros recalibrados e mais espaço para apoio dos pés do condutor.

O novo NMAX 160 ABS terá três versões de cores: o azul metálico (Navy Blue), o preto fosco (Midnight Black) e o branco (Sports White), e chegará à rede de concessionárias da Yamaha na primeira quinzena de dezembro ao preço público sugerido de R$ 14.990 + frete.

A Yamaha NMax 160 está bem na fita. Segundo a Fenabrave, entidade que congrega os distribuidores de veículos no Brasil, foi o quinto Scooter mais vendido no no mês outubro, com 997 unidades emplacadas, representando 4% da categoria. No acumulado do ano está com 9.970 vendidas.

 

 

 

 

trident-hero-riding-2[1]

Triumph apresenta no Reino Unido Nova Rodstar Trident 660

A Triumph Motorcycle apresentou hoje, 30 de outubro, através de live, direto de sua sede no Reino Unido, seu mais novo lançamento. Trata-se da Roadstar Trident 660, que virá impulsionada pelo novo  motor tricilíndrico de 660 cc, segundo a montadora, projetado para oferecer desempenho máximo em condições de uso diário, graças à sua personalidade perfeitamente equilibrada. 

Todos os pilotos da Trident experimentarão uma potência e entrega de torque lineares, com potência de pico de 81 cv (a 10.250 rpm) e mais de 90% do torque máximo disponível na maior parte da faixa de rotação, chegando a 64 Nm (a 6.250 rpm) de torque.

A Trident possui uma caixa de câmbio de seis velocidades com relações de marchas e comando final otimizado para adequar-se à confiabilidade e capacidade de pilotagem dinâmica completa.

A marca ressalta o uso de componentes Premium para construção da nova minimalista e simplificada motocicleta, tais como: suspensão Showa de regulável, pinças de freio Nissin,com discos duplos de 310 mm na dianteira, painel limpo e organizado em TFT, acelerador  eletrotônico dois modos de condução: Road e Rain.

Na site da Triumph do Reino Unido, a nova Trident 660 já está constando no portfólio, por  7.195,00 libras esterlinas, diga-se de passagem a motocicleta mais barata do site. Outro ponto muito interessante é o intervalo de revisão de 16 mil Km.

Como dito no início, a nova Trident foi apresentada ao público do mundo todo hoje, 30 de outubro, e o seu lançamento global está previsto para o final de janeiro de 2021. Mas não há confirmação do modelo para o mercado brasileiro.

Se gosta da marca  Triumph e é apaixonado por Naked, veja o vídeo de lançamento aqui: https://www.triumphmotorcycles.co.uk/motorcycles/roadsters/trident#tritse?sc_camp=05330A7349044DBFB7724347D3B5C837

Top10

Top ten motocicletas mais vendidas no mês de agosto 2020

Honda CG 160 Titan. Modelo mais vendido do Brasil

Agosto foi um ótimo mês para o mercado brasileiro de motocicletas. Salvo engano o melhor do ano, com os números encostando nas 96 mil emplacadas. para ser mais exato: 95.996, contra 85. 171 de julho. Um aumento portanto de 12,71%. Quando se compara com agosto de 2019, também o mercado está no azul, com 8,29% acima.

No acumulado do ano no entanto o saldo é negativo com uma baixa de 25,03%. Compreensível,depois de meses de comercio fechado e fábricas paradas em razão da pandemia de covid 19. Mesmo assim a diferença no acumulado da ano está sendo diminuída. o mês passado era de quase 30%.

Um indicativo forte de melhoras no setor. ainda temos quase 4 meses até o fim do ano. Quem sabe em um desses meses a marca de 100 mil unidades não será ultrapassada?

fabrica-triumph-Manaus[1]

Produção de motos está aquém da demanda

Fenabrave informa que vendas seriam maiores se não houvesse problemas com falta de peças.

Ao contrário do mercado de automóveis, que ainda não retomou patamares de um ano atrás, o de  motocicletas fechou agosto com alta tanto em relação a julho como no comparativo com o mesmo mês de 2019. As vendas somaram 95.998 unidades, 12,5% a mais do que as 85.171 do mês anterior e 8,3% maiores do que as de agora do ano passado (88.651).

“Com a retomada de parte da produção pelas montadoras, os volumes de emplacamentos vêm crescendo para atender à demanda reprimida. Contudo, ainda permanecem problemas de produção, pela falta de peças e componentes”, informa o presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior.

Na avaliação do executivo, o resultado negativo do ano reflete, em parte, a falta de produtos no varejo. Ou seja, se a produção fosse maior o recuo seria menor do que os 25% registrados no acumulado de janeiro a agosto deste ano, quando as vendas atingiram 531,4 mil motos, ante às 708,8 mil do mesmo período de 2019.

adrien-metge-rally-2020

Adrien Metge, da Yamaha, vence 2ª etapa do Rally Jalapão

Piloto da Yamaha IMS Rally Team foi o mais rápido do dia, que teve quase três horas de trecho cronometrado

Depois de 424 quilômetros, sendo 255 de especial cronometrada, o francês Adrien Metge, que faz sua estreia na equipe Yamaha IMS Rally Team, foi coroado o vencedor da segunda etapa do Rally Jalapão. A prova acontece no Oeste da Bahia, sob sol forte e altas temperaturas, colocando à prova pilotos e motocicletas.

O 6º Rally do Jalapão – válido pela abertura do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country – tem sido o recomeço do francês na modalidade no Brasil. Adrien participou de algumas provas por aqui em 2015, quando chegou a vencer o Sertões e o campeonato brasileiro na sua categoria. Depois disso, disputou 5 edições do Rally Dakar e agora está de volta ao Brasil para defender as cores da Yamaha no Rally.

“A etapa de hoje, com 255 km, teve todo tipo de terreno, com areias, pedras, terra, trechos rápidos e travados, foi uma especial muito bonita. No começo, até o abastecimento, estava brigando com dois pilotos, estávamos bem juntos, separados por poucos segundos. Então resolvi atacar mais na segunda parte e consegui ganhar o dia, com mais de um minuto. Amanhã (sábado) é uma nova etapa, de 163 km, então vou dar tudo pra tentar ganhar o rally”, explicou Metge.

Top10

Top ten motocicletas mais vendidas em julho 2020

Honda CG 160 Titan.

A situação está voltando ao normal. As coisas estão chegando nos eixos. Se em junho fora emplacadas 45.891 motocicletas, em julho esse número subiu para 85.166, um salto portanto de 85,58%. Quando se compara com o mês de julho de 2019 no entanto, temos uma queda de 5,43%. Na verdade essa diferença nem chega a ser uma queda, apenas um pequeno tropeço, se levarmos em conta o cenário do mundo todo com a pandemia, economia estagnada e outras coisas que já sabemos.
No acumulado do ano estamos com uma diferença maior de – 29,79%, fruto de quase 60 dias de fábricas paradas e comércio fechado. Continuamos na torcida para que em algum mês desse ano ainda seja atingida a marca das 100 mil motocicletas emplacadas. 
“A produção está sendo retomada pelas montadoras. Por isso, conseguimos atender à parte da demanda reprimida. Da mesma forma, a aprovação de crédito tem ajudado nos financiamentos, com mais de 4 cadastros aprovados a cada 10 apresentados”, explica Alarico Assumpção Júnior, Presidente da FENABRAVE – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores.

 

tigerrally900poeira

Triumph apresenta a linha completa da nova Tiger 900.

Modelo de entrada sai por r$ 48.990,00 e o Top de linha é reajustado para 60.990,00. Veja aqui a lista completa e todos os preços.

Dizem que em momentos de crise existem os que choram e os que vendem lenços. Pois a montadora inglesa de motocicletas no Brasil, com certeza está nesse momento de pandemia entre o segundo grupo. sorrindo á toa, com clientes em lista de espera para receberem o mais novo lançamento da marca no Brasil.A Triumph aproveitou a pandemia, o isolamento social e investiu pesado e assertivamente  em comunicação digital. o Lançamento da linha 900 por exemplo, foi através de redes sociais. Tivemos oportunidade de participar. A estratégia de lançamento dos modelos mais PREMIUNS, (Tiger 900 Rally Pro e Tiger 900 GT Pro), em primeiro lugar e de forma promocional também foi outra tacada certeira.

“Todas essas visualizações foram orgânicas, o que demonstra a grande capacidade de engajamento da Triumph com seu público. Como resultado direto desse trabalho, tivemos 140 motocicletas vendidas em três dias, superando as nossas expectativas”, explica Renato Fabrini, General Manager da Triumph do Brasil . Atualmente, os clientes estão formando fila de espera para receber o próximo lote da Tiger 900, que chegará às concessionárias somente no início de agosto. Além disso, já estão chegando às lojas, nesta semana, outras versões da linha: Tiger 900 Rally (R$ 55.990,00), Tiger 900 GT (R$ 52.990,00), Tiger 900 GT Low (R$ 52.990,00) e Tiger 900 (R$ 48.990,00). AS novas motos estão disponíveis nas seguintes cores: Tiger 900 GT e Tiger 900 GT Low (Pure White, Sapphire Black e Korosi Red) e Tiger 900 Rally (Pure White, Sapphire Black e Matt Khaki Green).

valentino-rossi-2020[1]

Com transmissão ao vivo na Fox Sports, MotoGP 2020 começa neste fim de semana

Depois de quase cinco meses de espera, enfim a MotoGP terá seu início neste fim de semana (18 e 19), no Circuito de Jerez de la Frontera, com o GP da Espanha.

Valentino Rossi já venceu 7 vezes em Jerez de la Frontera e busca seu 10º título na MotoGP – Foto: Yamaha MotoGP

E os fãs brasileiros terão a oportunidade de acompanhar todas as disputas, já que os canais Fox Sports transmitem com patrocínio da Yamaha do Brasil. No sábado, serão transmitidos os treinos classificatórios com a definição de grid, e no domingo, as corridas (confira programação abaixo).

“É uma satisfação para a Yamaha patrocinar o retorno  da transmissão da MotoGP e, junto com a Fox Sports, proporcionar este conteúdo aos fãs do esporte no Brasil. Temos quatro pilotos no grid, todos com capacidade para vencer corridas e o campeonato. Vai ser muito empolgante torcer pelo time Yamaha com Valentino, Viñales, Quartararo e pelo ítalo-brasileiro Franco Morbidelli, que carrega a bandeira do nosso país em seu capacete. Convido a todos os fãs do esporte acompanharem a Yamaha nas nossas redes sociais”, afirma Helio Ninomiya, gerente executivo de Marketing e Planejamento da Yamaha Motor do Brasil.

O tempo sem competições serviu para aumentar a expectativa quanto às disputas. Durante os testes pré-temporada no Catar, em fevereiro, a Yamaha mostrou a sua força e o jovem Maverick Viñales (Monster Energy Yamaha MotoGP) cravou o melhor tempo dos três dias. Fábio Quartararo (Petronas Yamaha SRT) também andou forte e liderou o segundo dia de testes com sua YZR-M1.

Com os pilotos de volta à ação, nos treinos desta quarta-feira (15), a Yamaha ditou o ritmo mais uma vez e colocou 3 de seus pilotos no Top 5. Viñales e Quartararo foram os mais rápidos e Valentino Rossi o quinto colocado. Vale lembrar que Rossi, que luta pelo seu 10º título mundial no MotoGP, já venceu por 7 vezes em Jerez na categoria principal.

Tanto os treinos quanto as corridas da MotoGP têm transmissão a partir das 9h da manhã, sábado e domingo. Mas o pacote de transmissões da FoxSports – com patrocínio da Yamaha do Brasil – contempla ainda as demais categorias. Veja os detalhes:

PROGRAMAÇÃO FOX SPORTS

Sábado (Treinos Classificatórios)
7h – Moto3 (On-line)
9h – MotoGP
10h – Moto2
11h – MotoE

Domingo (Corridas)
5h – MotoE
6h – Moto3
7h – Moto2
9h – MotoGP

moto vermelha

Honda apresenta novas motos da linha 650 em live

As novas moto já estão disponíveis nos pontos de vendas da marca.

A Honda Motos do Brasil informou na última terça feira, 30 de junho que no dia 08/07, quarta feira, a partir das 16 horas, fará uma live para apresentação dos modelos de sua linha 650. A linha é composta pela naked CB 650R, uma Neo Sports Café Racer e também pela CBR 650R.

Estas motocicletas foram anunciadas ao mercado durante o último Salão Duas Rodas, em novembro de 2019 em São Paulo. Foram disponibilizadas para pré-venda em janeiro e estão chegando ás concessionárias da marca agora em julho.

Será um evento tecnológico, informativo e interativo, onde será possível esclarecer dúvidas sobre as motocicletas com os técnicos da Honda. O link será disponibilizado oportunamente.

SAVE THE DATE – Apresentação Virtual – Linha 650R
Data: 08 de julho (quarta-feira)
Horário: à partir das 16:00hs

COMPARATIVO NOVA TIGER 900 X BMW GS 850 X HONDA CRF 1000 ÁFRICA TWIN

Está querendo uma Big Trail entre 850 e 1000 cilindrada? fizemos uma pesquisa que pode te ajudar!

O mercado das motocicletas estilo Big Trail é dinâmico e muito competitivo no Brasil. Ninguém quer ficar para trás. Quem lança uma novidade, deve ficar atento para não ser superado em breve. E se não for possível fazer um novo lançamento pelo menos uma atualização, um face lift, sempre de olho no concorrente.
Em nosso opinião a Big Trail por excelência da BMW era a 800 GS, com legião de fãs Brasil a fora, pois em 2017/18, a marca alemã deu uma mexida profunda no modelo fazendo nascer a GS 850. Uma moto totalmente nova e recheada de tecnologia, porém com menos potência que a antiga.
A Honda por sua vez, ficou um bom tempo sem ter uma representante á altura nesse segmento. Era representada timidamente pela Transalp 700, que acabou sendo descontinuada, com a chegada da poderosa África Twin CRF 1000, que já foi atualizada recentemente. Mesmo assim não anda fazendo bonito no ranking das Big trails. De janeiro a dezembro de 2019, enquanto a BMW vendeu 2.134 unidades da GS 850, a Honda vendeu apenas 337 unidades da sua CRF 100 África Twin.
Já a Triumph está descontinuando a linha Tiger 800, diga se de passagem a mais vendida da marca no segmento em 2019, para lançamento da Tiger 900. A montadora diz que é um novo projeto, partindo do zero. Será?

background motos

Triumph apresenta para o Brasil sua nova Tiger 900

Novo modelo custará entre r$ 57.990 e r$ 59.990 e chega para brigar com a BMW 850 GS.

A Triumph motos informou hoje,16 de junho, o seu grande lançamento do ano  no mercado brasileiro, que ocorrerá amanhã, dia 17 de junho. Trata-seda  novíssima motocicleta Tiger 900, que chega para acirrar a briga no segmento  Big trail/Adventure. O modelo foi desenvolvido para substituir a bem-sucedida Tiger 800, a mais vendida da marca no mercado brasileiro, mas que teve de ser “reformulada por causa da concorrência. (BMW GS 850 e outras).  

A montadora informa que a nova moto chega às concessionárias em duas versões: Tiger 900 GT Pro (R$ 57.990,00) e Tiger 900 Rally Pro (R$ 59.990,00). Na verdade serão entre versões e “subversões” serão seis opções: Tiger 900, a mais simples, Tiger 900 GT, Tiger 900 GT Low e Tiger 900 GT Pró, a mais completa. Todas estas com rodas dianteiras 19″ e uma proposta mais estradeira, mais on Road; já as versões Tiger 900 Rally e Tiger 900 Rlly Pro possuem uma proposta mais aventureira, mais off Road. As que não estão precificadas ainda, devem ser apresentadas em um segundo momento.Os preços são promocionais para o primeiro lote de lançamento da linha – em torno de 70 unidades montadas na fábrica de Manaus (AM). A partir de 1º de julho, os preços da nova Tiger 900 serão reajustados. 

A apresentação oficial da nova Tiger 900 à imprensa e ao público brasileiro acontecerá amanhã (dia 17), às 19h, numa Live, devido ao isolamento social provocado pela pandemia do coronavírus. A estratégia de lançamento digital também foi uma escolha devido ao enorme sucesso das Lives realizadas pela Triumph Brasil durante os últimos meses.É a primeira vez que a Triumph realiza o lançamento de uma nova moto neste formato no mundo. Para participar da Live, basta acessar os canais da Triumph no Instagram (@triumphbr), Facebook (www.facebook.com/triumphmotorcyclesbrasil) ou You Tube (www.youtube.com/triumphmotorcyclesbr).

foto2

Ducati lança seguro “customizado” para suas motos no Brasil

A partir de agora, diversos modelos Zero Km da marca italiana, já ser adquiridos com o seguro especial Ducati/Mapfre.

Atenção “Ducatistas” do Brasil: a partir de agora, diversos modelos da família Ducati zero KM podem ser adquiridos com Seguro Ducati Mapfre.
O cliente sai da concessionária com o seguro já acionado! O Seguro Ducati Mapfre é completo e tem cobertura de 12 meses, a exemplo de outros, podendo ser renovado pelo cliente com as mesmas condições negociadas pela Ducati.
No modelo desenhado exclusivamente para a Ducati, o Seguro não possui análise de perfil, ou seja, sem definição prévia de idade ou localidade onde mora.

As motos participantes da campanha são as da família Multiestrada, da família Diavel e da família Monster 
O seguro  Ducati Mapfre inclui cobertura para roubo, furto, acidentes, contra incêndio, assistência 24 horas e para terceiros. 

As vantagens não param por aí. Na ocasião de um acidente, o proprietário pode escolher enviar sua moto para a concessionária Ducati mais próxima, onde todos os reparos serão realizados com peças 100% originais, fornecidas pela Ducati.

Caso haja o envolvimento de terceiros, estes também poderão escolher a oficina de sua preferência para reparo dos danos.

“Nossa intenção é oferecer uma experiência cada vez mais completa na aquisição de uma motocicleta Ducati 0km, entregando serviço de qualidade superior ao nosso cliente. Com a campanha Moto Ducati com Seguro, eliminamos a preocupação do ducatista com a contratação do seguro”, comentou Alexandre Ruiz, Gerente Nacional de Vendas da Ducati do Brasil.
O valor da franquia também foi negociado e tem um valor exclusivo para as motos Ducati. Por exemplo, a franquia média para um dos modelos da família Ducati e XDiavel é R$ 1.599,00.

20200606_200427-1024x485[1]

Pelotão IDE promove campanha de agasalho para carentes no DF

Pelotão IDE, em parceria com igreja, distribui Bíblias, agasalhos e sopa para papulação de rua.

O Motoclube Pelotão IDE promoveu no último sábado 06 de junho o seu primeiro evento de assistência social. Desta vez foi em Planaltina-DF, em parceria com a Igreja  Assembléia de Deus da Quadra 7 do Setor Arapoanga, liderada pelo pastor Adilson Barbosa.Com a chegada do inverno, (aqui em nossa região começa a esfriar em maio), aumenta o sofrimento da população de rua. População esta que, esse ano teve aumento considerável devido á pandemia do Covid 19. 

O Pelotão IDE foi convidado e aceitou o desafio de arrecadar cobertores, roupas de frio e outros itens  para esse nossos irmãos. Foi á luta, pediu contribuição de outros irmãos motociclistas, amigos e familiares. Juntando as doações conseguidas pelo Motoclube, mais as doações da igreja, foi possível, montar vários kits contendo: cobertor, luva, meia, máscara, gorro de frio e um exemplar da Bíblia sagrada.kits montados, máscaras no rosto, mãos higienizadas e com as bençãos de Deus a equipe saiu da igreja por volta das 20:20, sob a liderança do pastor, indo primeiro na Feira Permanente, depois para o Hospital Regional da Cidade e em seguida para o Rodoviária e outras localidades do Setor Central, distribuindo os kits, levando uma palavra de esperança para aquecer  os corações e um delicioso caldo para  espantar o frio.

Sobre o Motoclube Pelotão IDE:
O Motoclube Pelotão IDE foi fundado em 03 de dezembro de 2013, por cristãos evangélicos residentes em Brasília DF. Em 09 de dezembro de 2014, realizou a primeira eleição para diretoria definitiva, com o estatuto já aprovado. Entre as bandeiras da associação está a divulgação dos ensinamentos de Jesus Cristo, a amizade, a cordialidade e a participação em eventos de caráter assistenciais.

Dacati lança nova Scrambler Icon em pré-venda

A nova motocicleta tem preço especial de pré-venda e o comprador ganha de brinde uma jaqueta da linha Scrambler.

A Ducati do Brasil informou na última terça feira, 7 de abril a abertura de pré-venda para o seu novo modelo Scrambler Icon, com preço especial até o último dia do mês de abril. O preço normal do modelo é r$ 48.990. Na pré-venda está por r$ 44.990.

Recursos de série como ABS cornering e painel com marcador de combustível foram agregados ao modelo

O novo modelo reforça o ar vintage do modelo Scrambler reinterpretado de uma forma moderna

As inovações da nova Scrambler Icon, priorizam o uso de materiais de alta qualidade e fino acabamento que dão destaque aos detalhes da motocicleta.

O motor de dois cilindros permanece o Desmodue de 803 cc de cilindrada, capaz de fornecer 73 cv a 8.250 rpm e um torque máximo de 67 Nm a 5.750 rpm.

Ergonomia é um dos pontos altos do novo modelo. O painel está posicionado de forma mais ergonômica, sendo mais fácil percorrer o menu do painel de instrumentos LCD, que agora inclui informação sobre o nível de combustível.

O guidão alto e largo da Ducati Scrambler, o assento plano e a renovada regulagem na base das suspensões conjugam-se para proporcionar uma posição de condução mais confortável e descontraída.

Segurança também é um dos itens que ganharam maior atenção. O sistema de freios da nova Scrambler Icon está equipado com ABS de curvas, capaz de impedir bloqueios indesejados durante uma curva, graças às informações coletadas pela plataforma inercial da Bosch. O ABS controla um sistema de frenagem de bom tamanho (disco de 330 mm na frente com pinça radial Brembo M 4,32 B de 4 pistões, 245 mm e pistão único na traseira).

Os períodos de manutenção tem intervalos estabelecidos a cada 12.000 km e a primeira revisão é feita com 1.000 km. A garantia é de dois anos, mas existe a possibilidade de contratar a garantia estendida por 12, 24 ou 36 meses, através do sistema exclusivo da Ducati. Para saber preços e outros detalhes clique no link: Ever Red

Para pré compra acesse o SITE OFICIAL DE PRÉ-VENDA AQUI!

Para informações técnicas acesse: FICHA TECNICA

Top Ten motocicletas mais vendidas em fevereiro 2020

Desculpem a demora. Mas como sempre digo: antes tarde do que muito mais tarde.

A tendência de alta registrada em janeiro de 2020 foi interrompida. A esperança de cem mil unidades mensais também. Os números de fevereiro, ( 79.782), “embicaram” pra baixo. Queda de quase 13%. Quando comparados a fevereiro do ano passado também houve uma queda, de 5,23%.

Explicações? Corona vírus, crise internacional do petróleo, instabilidade no mercado interno. pode ser tanta coisa que nem sei. Tem ainda o mês de fevereiro em ano bissexto, com apenas 29 dias e a semana do carnaval. Quem sabe o ano esteja começando de verdade agora em março e os próximos números venham estar melhores

Top ten motocicletas mais vendidas no Brasil em julho de 2019

Julho foi  até agora o segundo melhor mês do ano, com 90.057 unidades emplacadas, segundo a Fenabrave, entidade que congrega os distribuidores do veículos no Brasil. Isto representa um aumento de 12,51% sobre junho e 18% sobre o mês de julho de 2018. No acumulado do ano também os números estão muito bons, 16,34%. De verdade esperamos um aquecimento substancial do setor daqui até o fim do ano, mesmo que isso passe pelos r$ 500,00 do Fundo de Garantia. Porque não???

Top ten motocicletas mais vendidas no Brasil em dezembro/23

Em dezembro/23 foram comercializadas 132.752 motocicletas no Brasil, contra 130.475 unidades de novembro, resultando em um aumento de 1,75%. Quando comparamos com dezembro de 2022, o aumento é de apenas 0,46%. NO acumulado do ano no entanto, foi ultrapassada a barreira de 1,5 milhões, mais precisamente 1.581.523, um acréscimo de 16.10%. Assim sendo podemos  afirmar com toda certeza que 2023, foi um ótimo ano para o mercado de motocicletas no Brasil.

O ano de 2024 que está apenas  começando, mas promete. Os ânimos estão acirrados, com a esperada chegada de novas montadoras e de novos lançamentos, para todos os gostos e bolsos. É esperar pra ver!

Motos de 400cc: Você ainda vai ter uma!

Como as motociclistas passaram a ter 400 cilindradas? porque abandonaram esta faixa de cilindrada? Por qual razão estão de volta? 

No Brasil até 1979 só existiam motos de baixas cilindradas produzidas no Polo Industrial de Manaus pela Honda e Yamaha. As motos maiores só mediante importação. Em 1980 a Honda lançou a CB 400,com motor bicilíndricos (de 395 cc de capacidade), potência de 40 cv, e torque de 3,2 kgf.m a 8.000rpm, quatro tempos e refrigerado a ar, com três válvulas por cilindro (duas de admissão e uma de escape), alimentado por dois carburadores e sistema elétrico gerenciado por ignição eletrônica CDI. Desnecessário dizer que era beberrona. Andava, mas bebia muito, porém era o que tínhamos. A CB 400 evoluiu para CB 450 e ficou em linha até 1989, nos últimos anos era carenada e tinha uma pegada esportiva. 

Em 1999 a Honda lançou a Honda NX 400 Falcon, que chegou com a missão de substituir a Honda NX 350 Saara, era um estilo mais aventureiro que a CB 400, porém mais modesta, com motor de 1 cilindro, 1 carburador, refrigeração a ar, 30.6 cv de potência, e torque de 3,51 Kgf.m . Teve a produção local interrompida em 2009; Voltou a ser produzida em 2012, com injeção eletrônica e menos potência, foi descontinuada de vez em 2015.

Em 2018 a Kawasaki lançou a sua linha 400 com as irmãs Ninja 400, carenada e Z400 naked. A Ninja 400 traz motor de 399 cc, DOHC, oito válvulas, quatro tempos, dois cilindros paralelos, refrigeração líquida e abastecido com gasolina.
O motor gera 48 cv de potência e 3,9 kgfm de torque máximo. A média de consumo de combustível é de 22 km/l.
Além disso, a motocicleta conta com faróis duplos de led, painel de instrumentos, que informa ao piloto dados importantes, como indicador de posição de marcha e de consumo de combustível, temperatura do motor, hodômetro, entre outros, transmissão manual de seis velocidades e embreagem deslizante multidisco em banho de óleo. O preço no site é r$ 34.490,00 mais frete, nas versões Z400, Street Fighter e Ninja 400, (carenada)..

Em abril de 2023 a Royal Enfield lançou no marcado nacional a sua moto estilo scrambler, a Scran 411, derivada da Himalayan. É uma moto menor, mais leve e um pouquinho mais baixa que a Himalayan, excelente para uso urbano mas que pode dar um ar da graça em umas aventuras off road, como qualquer moto nesse estilo. O motor é monocilíndrico injetado, refrigerado a ar, 411 cm³, potência de 24,5 cv de potência a 6.500 rpm e 3,2 kgf.m de torque a 4.250 rpm, o painel é o mesmo da Himalayan, simples espartano. A paleta de cores também é interessante, com 7 opções. O preço no momento é r$ 22.490,00, com frete grátis.

Em dezembro de 2022 a indiana Bajaj desembarcou por aqui trazendo a motocicletas que iriam dar uma sacudida no seguimento de baixa e médias cilindradas, sendo mais potentes e com preços competitivos. Entre elas teve uma que se tornou a queridinha no seguimento sport tourer, a Dominar 400, que não por acaso é a mais vendida da marca. A moto possui painel com display LCD bipartido conta com indicador de marcha e console reverso para ser confortável em qualquer ambiente. Além disso, a iluminação FULL LED é bem construída e potente. o Motor Monocilíndrico, 4 tempos, DOHC, 4 válvulas, com refrigerado a líquido, Cilindrada 373,27 cm3, 40 cv de potencia e torque de 3,57 kgf.m a 6.500 rpm, câmbio de 6 velocidades com embreagem assistida. Em relação ao consumo a media é de 29 Km/l. Preço no site e com frete incluso: r$ 24.990,00

Em novembro de 2023 foram disponibilizadas para pré venda aqui no Brasil as gêmeas de entrada da Triumph, Scrambler 400 e Speed 400. Foi sucesso total, pois as 400 unidades, para serem entregues a partir de fevereiro/24, foram esgotadas em menos de 24 horas. Qual o diferencial destas motos? A Triumph é marca premium e estas pequenas vêm com um intervalo de revisão de 16 mil Km. De série, a moto tem controle de tração, acelerador eletrônico, embreagem assistida e deslizante, e ABS de dois canais. Sua iluminação é full LED, incluindo o DRL. O painel de instrumentos, por sua vez, é digital LCD, porém com o velocímetro se mostrando analógico, como convém a uma clássica. O motor, desenvolvido em parceria com a Bajaj é um monocilíndrico de 398 cilindradas, com uma potência de 40 cv a 8.000 rpm e um torque máximo de 3,8 kgf.m a 6.500 rpm. Na dobradinha das pequenas, a Speed tem uma pegada essencialmente urbana, enquanto a Scrambler com rodas maiores e suspensão mais alta, sugere que você ande pela cidade, mas que pode também fazer percursos Off Road sem problemas. Vamos aos preços? Scrambler: r$ 33.990,00; Speed: 29.990,00. Nos preços da Triumph o frete já está incluso.

O objetivo do texto é esclarecer o nosso querido e fiel leitor; e mostrar as  as opções de preços, marcas e estilos de motocicletas desta cilindrada no mercado nacional hoje. Lembrando que as opções listadas e ainda disponíveis chegaram por aqui a partir de 2018, porém a maioria  desembarcou no Brasil em 2023.

Motoclube Pelotão IDE comemora 10 anos de atividades.

Doze Motoclubes e mais de 100 pessoas compareceram ao evento no último domingo, 10 de janeiro, no Lago Sul, em Brasília-DF.

Aconteceu ontem, 17 de dezembro, das 9 ás 17 horas, no Clube dos Bombeiros, no Setor de Clubes Sul, em Brasília-DF, a festa de 10 anos de fundação do Moto clube Pelotão IDE. Na verdade o aniversário é em 3/12, mas por questão de agenda comemoramos no dia 17.

O evento programado com a devida antecedência transcorreu da melhor forma possível, com um lindo dia de sol; fomos surpreendidos positivamente com a adesão de muitos convidados. Tivemos o poio amplo, geral e irrestrito do Presidente do Clube, o senhor Jair Dias. O Evento foi almoço com cardápio de churrasco, arroz, vinagrete, feijão tropeiro e refrigerante, tudo 
zero 800 para mais ou menos 100 convidados. Antes do almoço, por volta de meio dia e 30 foi feita uma pausa nas conversas descontraídas, para a palavra da diretoria, entrega de “troféus” aos representantes de moto clubes presentes e oração.

O Vice-presidente Marcondes Francisco dos Santos, é um dos fundadores do Moto Clube Pelotão, um chamado Alpha 7, e apresentou em resumo, um histórico de

nossa jornada desde os primeiros dias, bem como de nossas realizações, sempre focadas no IDE do Senhor Jesus, e também de nossa interação com outros moto clubes e  irmãos motociclistas. Nosso Conselheiro, Pastor Fernando Pontes também fez uso da palavra, nos trazendo uma reflexão sobre este primeiro decênio de lutas e vitórias.

Agradecemos em primeiro lugar a Deus, aos nossos familiares que têm nos dado suporte para atuarmos juntos, em prol desse moto clube, dessa causa, desta Obra. Agradecemos também a cada integrante inclusive aos que estiveram com a gente, mas por qualquer razão deixaram de andar conosco. Agradecemos aos irmãos motociclistas aqui presentes, pelo apreço e carinho; Enfim, somos gratos por tudo”, disse Nilson Silva, presidente do Moto clube Pelotão IDE

Receberam troféus de participação, representantes dos seguintes moto clubes: Corcéis do Planalto, Guarda Pretoriana, Tríade, Sepulcro Vazio, Pregadores do Caminho, Mundial de Missões, Amigos do Asfalto, Talmid, Aliançados, Missionários, Rodas de Aço Estradeiros e Sem Juízo.

Sobre o Moto clube Pelotão IDE:

O Moto clube Pelotão IDE foi fundado em 03 de dezembro de 2013, por cristãos evangélicos residentes em Brasília DF. Em 09 de dezembro de 2014, realizou a primeira eleição para diretoria definitiva, com o estatuto já aprovado. Entre as bandeiras da associação está a divulgação dos ensinamentos de Jesus Cristo, a amizade, a cordialidade e a participação em eventos de caráter assistenciais.

Top ten motocicletas mais vendidas em novembro/23

Texto: Nilson Silva

Infográfico: Beatriz Pinheiro
Penúltimo mês do ano demostrando uma certa estabilidade, com viés de queda, passando de 137.665 para 130.469 motocicletas emplacadas, recuando 5.23%. Mas quando a gente compara com o mesmo mês do ano passado temos um saldo positivo de 5.87%, portanto +5-5= zero. Será?

No acumulado do ano, no entanto temos um saldo positivo de 17,79% e vamos com certeza ultrapassar o milhão e meio de motocicletas vendidas. Se a gente dividir 1.500,000 por 12, termos uma média de 125 mil motocicletas comercializadas mensalmente, fato que ocorreu apenas no ano de 2013,quando se chegou a 1,6 milhões de motocicletas comercializadas..

Motoclube Pelotão IDE faz Ação Social de Natal/2023, em abrigo para pessoas especiais em Brasilia-DF. 

Aconteceu no último sábado, dia 9 de dezembro na parte da manhã, a décima ação social ordinária do Moto clube Pelotão IDE e amigos.
Desta vez a instituição escolhida foi o Instituto Dom Orione, localizado na QI 15, Área Especial, no Lago Sul, Brasília-DF.

O Instituto Dom Orione é uma organização filantrópica, ligada á igreja católica, fundado há 55 anos, mantido através de parcerias, convênios, bazar, doações da comunidade e campanhas diversas, que entre outros coisas mantém um abrigo que dispensa cuidados integrais para homens adultos, excepcionais, (ou especiais, como queiram), que saíram do orfanato por terem atingido a maioridade e que não possuem famílias, ou que os familiares têm dificuldade de cuidar.

A missão do Pelotão IDE desta vez foi providenciar presentes de Natal antecipado para estas adoráveis pessoas, cara de homem, mas com coração de menino. E Deus foi muito generoso para conosco, pois entre nossos amigos, amigos motociclistas e familiares conseguimos fazer uma ótima festa numa linda manhã ensolarada, onde aproveitamos pra conversar, cantar, fazer muitas fotos, lanchar e presentear a cada um dos internos com uma ótima lembrança, onde cada um dos 40 integrantes recebeu um kit de higiene pessoal, mais um pacote de presente composto por 3 itens, entre camisetas, camisas sociais, sandálias, bermudas e tênis, de acordo com a disponibilidade de cada padrinho. Estimamos em r$ 100,00 a valor médio de cada presente. Missão dada, é missão cumprida!

“Agradecemos primeiro ao Nosso Deus Provedor, aos integrantes integrantes do Pelotão que foram unânimes e coesos neste evento; aos outros irmãos de moto clubes, aos nossos familiares e amigos, sem os quais este evento não seria possível. Desejamos a todos um Feliz Natal antecipado e que o Senhor Jesus possa nascer cada dia em nossos corações”, disse Nilson Silva, Presidente do Pelotão IDE.
“Foi um momento marcante com a fala de cada representante. Os educandos cantaram uma música sobre o amor, que devemos fazer pontes e o senhor Nilson também declarou uma passagem bíblica mencionando sobre o amor. Após esse momento houve os agradecimentos e a entrega de presentes diversos para os alunos, bem como saquinhos com guloseimas. Também foi servido cachorro-quente com refrigerante para todos que ficaram muito felizes”, disse Shirley Holanda, Coordenadora pedagógica do Instituto Dom Orione.

Moto 1000 GP: Ramiro Gandola vence neste domingo(12/11), em Goiânia

Argentino confirmou seu campeonato na GP 1000 durante a corrida dois do GP Pirelli

A última corrida da temporada 2023 do Moto1000GP na categoria GP 1000 confirmou o primeiro título Brasileiro de Motovelocidade para Ramiro Gandola, da equipe Agem Racing Team, piloto de Resistência, na Argentina. Gandola largou na pole e ganhou a corrida neste domingo (12) no GP Pirelli. Pedro Lins (Centermoto Racing Team) e Gleidson Matsubara (Art Aston Racing Team), o Babinha, que estavam disputando o vice-campeonato, foram sexto e oitavo. Lins foi quem ficou com o segundo lugar na classificação geral.

Após a corrida dois da 6ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade, Gandola falou sobre o título. “Trabalhamos muito durante todo o ano para conquistar o campeonato. Feliz em terminar 2023 assim. É um ano muito positivo para mim e agora vamos continuar trabalhando para o ano que vem ser de grandes coisas”, resumiu o campeão.

Ainda na primeira volta o argentino recuperou a posição após erro de frenagem do até então líder. Ganso também perdeu a posição para Marcelo Skaf (PRT/M78 Yamaha Racing), que vinha em terceiro. Com Gandola abrindo vantagem na ponta e o segundo lugar já encaminhado, a briga pelo terceiro lugar ficou com Skaf, Peri Cunha e Gleidson Babinha. Pedro Lins teve quebra de corrente em sua moto na volta sete, o vice campeonato ficou com Babinha até a última volta mas, ao cair na última volta, Lins reassumiu o lugar. Cunha (Team Bluefit Dezeró Racing) completou o pódio e Skaf foi quarto.

Na GP 1000 Open o título ficou com Breno Pinto (PRT/M78 Yamaha Racing), que chegou na quinta colocação na geral e venceu em sua categoria. Bruno “Gibi” Carvalho (Dazzi Racing), que tinha chance de ser campeão, não largou para a última prova do ano após problemas em sua moto na corrida de sábado (11). William Barros (Motobel Brothers) chegou em segundo e ficou com o terceiro lugar após seis etapas.

“É uma sensação inexplicável, porque a gente sofre muito durante o ano, com um acerto de moto, preparo físico, as distâncias que enfrentamos  para competir. Vamos para o ano que vem, com tudo começando do zero” declarou Breno Pinto, que levou o primeiro título de campeão brasileiro de motovelocidade para o Amapá.

Na GP 1000 Master o campeonato e a classificação tiveram o mesmo pódio com Luiz Ferraz em primeiro, Jirios Abboud em segundo e Pablo Nunes em terceiro. Para Ferraz, o desejo para 2024 é defender o título “Eu estou muito contente com o campeonato, que vem crescendo. Acredito que o ano que vem vai estar melhor ainda com mais pilotos, mais disputas, mais pegas, e mais praças de corrida. Espero poder participar novamente para defender o título.

GP 1000 – Resultado da prova deste domingo (12) após treze voltas
6ª Etapa Moto 1000 GP – GP Pirelli – Autódromo Ayrton Senna de Goiânia – Goiânia (GO)
1º) Ramiro Gandola (ARG/BMW), Agem Racing Team – 18m46s722
2º) Gustavo Manso (SP/Yamaha), PRT/M78 Yamaha Racing – a 6s755
3º) Peri Cunha (SP/BMW), Team Bluefit Dezeró – a 20s624
4º) Marcelo Skaf (SP/Yamaha), PRT/M78 Yamaha Racing – a 23s401
5º) Breno Pinto (AP/Open/Yamaha), PRT/M78 Yamaha Racing – a 46s974
6º) William Barros (DF/Open/Kawasaki), Motobel Brothers – a 47s265
7º) Luiz Ferraz (SP/Master/BMW), Procomps XI Race Team – a 49s395
8º) Eduardo Marques (GO/Open/Kawasaki), Motobel Brothers – a 56s657
9º) Jirios Abboud (MG/Master/Kawasaki), Norte Minas Racing Team – a 56s814
10º) Alexandre Ayabe (MS/Kawasaki), Art Aston Racing Team – a 1m17s126
11º) Pablo Nunes (SC/Master/Yamaha), PRT/AD78 Yamaha Racing – a 1m17s206
12º) Gleidson Matsubara (MT/Kawasaki), Art Aston Racing Team – a 1 volta
13º) Alexandre “El Toro” José (MG/Master/Yamaha), Procomps XI Race Team – a 1 volta
14º) Daniel Morais (GO/Open/BMW), W Vaz Racing – a 1 volta
15º) Celso Filho (DF/Open/BMW), Motobel Brothers – a 1 volta
16º) Michel Abboud (MG/Master/Kawasaki), Norte Minas Racing Team – a 1 volta
17º) Alan Dantas Souza (BA/Open/Kawasaki), 77 Galego Race Team – a 1 volta
18º) Elvis “Carneirinho” Machado (MS/Open/Kawasaki), Dazzi Racing – a 2 voltas
19º) Marcelo Miarelli (SP/Ducati), Team Bluefit Dezeró – a 5 voltas
20º) Pedro Lins (RJ/BMW), Centermoto Racing Team – a 6 voltas
Não Classificados (50%= 7 voltas)
Fernando Araújo Jr. (Mt/Open/BMW), MT Poços Artesianos – a 7 voltas
Caio Cordeiro (RJ/Kawasaki), W Vaz Racing – a 10 voltas
Hugo Barbosa (MT/Open/Kawasaki), 77 Galego Racing Team – a 11 voltas

Motocicletas mais vendidas em outubro de 2023

O décimo mês do ano teve um desempenho melhor que setembro, passando de 135.134 para 137.606 motocicletas comercializadas, um aumento, portanto de 1.83%. Mas quando comparamos com outubro de 2022 o aumento foi de 14.40%. No acumulado do ano estamos passando de um milhão e 300 mil motos emplacadas, esperamos assim que em dezembro ultrapassemos o milhão de meio de motocicletas  produzidas e/ou comercializadas no Brasil.

A Fenabrave, entidade que congrega os revendedores de veículos no Brasil, afirma que “Mantendo a alta demanda no mercado o segmento de motocicletas permaneceu estável em outubro, com ligeiro crescimento sobre setembro. O setor está acompanhado a seca na região da Zona Franca de Manaus, que pode impactar na oferta de motos”. Eu pergunto: será?

Top10

Top ten motocicletas mais vendidas em dezembro/22

Dezembro de 2022 foi o melhor mês do ano para o mercado Brasileiro de motocicletas, com 132.129 motos emplacadas, contra 123.222 em novembro e muito melhor que dezembro de 2021 mês em que foram comercializadas 112.319 unidades. No acumulado do ano também, só vitória! pois chagamos a 1.362.129 contra 1.157.291 do ano passado, um aumento portanto de 17,70%. Esperamos que com a chegada “nacionalização” da Royal Enfield e  chegada prometida de outras marcas chinesas e indianas, possamos bater a marca de um milhão e meio de motos em 2023. 

Motocicletas mais vendidas em dezembro/22
Top10

Top ten motocicletas mais vendidas em novembro/22

Se em outubro houve uma pequena oscilação para baixo, em novembro/22 a oscilação também foi pequena, porém para positiva. Passamos de 120.276 para 123.206 motocicletas emplacadas, um porcentual de 2,44%, eu diria então que trata-se de um empate técnico entre outubro e novembro. Quando comparamos com o mesmo mês do ano passado, o saldo foi de 15,70%. No acumulado do ano também chegamos a 1.229.987, 17,71% em relação ao ano passado. A boa fase do mercado registrada até outubro continua em novembro e esperamos que seja tendência.