tortone-2Bem-2Bcascavel

Argentino vence e conquista título da GP Light no Brasileiro de Motovelocidade

Nicolas Tortone: 3º da esquerda para a direita.

Nicolas Tortone domina etapa decisiva na pista de Cascavel e dá à Yamaha seu primeiro título no Moto 1000 GP

Fonte: Grelak Comunicação
O Autódromo Internacional Zilmar Beux, em Cascavel (PR), passou a ser neste domingo (14) o preferido do argentino Nicolar Tortone. Foi o palco da segunda vitória do piloto da MGBikes Yamaha Racing na categoria GP Light do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade, que valeu-lhe o título do Moto 1000 GP. A primeira vitória de Tortone na motovelocidade do Brasil havia acontecido também em Cascavel, na quarta etapa da temporada.
A torcida cascavelense viu quatro pilotos alinharem suas motos no grid do GP Petrobras, oitava e última etapa da temporada, considerando a chance de conquista do título. O líder do campeonato até então era o paulista Rodrigo de Benedictis, da Motonil Motors-PDV Brasil, que cruzou a linha de chegada em terceiro e ficou com o vice-campeonato – o segundo na prova foi o também paulista Lucas Teodoro, da BMW Motorrad Alex Barros Racing.

Henrique Castro, brasiliense que defende a City Service BSB Motor Racing, era outro candidato ao título. Terminou a prova em 12º lugar e ficou em terceiro na pontuação final. O também brasiliense Ian Testa, companheiro de equipe de Benedictis, manteve o quarto lugar na classificação final da GP Light depois de uma queda na primeira volta após a primeira largada – o acidente o impediu de estar no grid da largada definitiva do GP Petrobras.

Tortone recebeu a bandeirada da segunda vitória no Moto 1000 GP quatro segundos à frente de Teodoro. Benedictis, o terceiro, terminou a corrida quase quatro segundos atrás do vencedor. A equipe MGBikes Yamaha Racing comemorou a vitória e o título com fogos de artifício nos boxes de Cascavel. O título de Tortone foi o primeiro de um piloto de moto Yamaha no Moto 1000 GP, que encerrou em Cascavel a quarta temporada de sua história.

MOTO 1000 GP – GP PETROBRAS – CATEGORIA GP LIGHT
(Classificação final em Cascavel após 20 voltas)
1º) Nicolas Tortone (ARG/Yamaha), MGBikes Yamaha Racing, 22min04s793
2º) Lucas Teodoro (SP/BMW), BMW Motorrad Alex Barros Racing, a 4s058
3º) Rodrigo de Benedictis (SP/Kawasaki), Motonil Motors-PDV Brasil, a 6s978
4º) Marcelo Dahmer (RS/Honda), K Racing, a 25s175
5º) Diogo Ramos (SC/Kawasaki), Carlos Barcelos, a 27s427
6º) Davi Costa (SP/Kawsaki), JC Racing Team, a 32s001
7º) Waguinho Duarte (CE/BMW), BMW Motorrad Alex Barros Racing, a 33s266
8º) Marcelo Skaf (SP/Kawasaki), Motonil Motors-PDV Brasil, a 33s831
9º) Marcos Prata (BA/Kawasaki), MR Lekhwiya Racing Team, a 46s829
10º) Fernando Neiva (PR/BMW), Black Day Racing Team, a 48s200
11º) Alen Modesto (BA/Kawasaki), Aclat Racing, a 50s364
12º) Henrique Castro (DF/Kawasaki), City Service BSB Motor Racing, a 57s517
13º) Marcello Souza (SP/Kawasaki), JC Racing Team, a 59s999
14º) Edson Luiz (SC/Kawasaki), Aclat Racing, a 1min06s861
15º) Sérgio Prates (SP/Kawasaki), JC Racing Team, a 1 volta
16º) Bruno Teixeira (MG/Yamaha), Carlos Barcelos, a 1 volta

Tags: No tags

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *