equipe-x-motos-2014-no-parana

Escuderia X disputa 2ª etapa do Paranaense de Motocross

Prova será realizada em Cascavel, neste fim de semana, 26 e 27

Fonte: X Motos do Brasil
Os pilotos da Escuderia X têm mais um compromisso no Paranaense de Motocross com a realização da segunda etapa do campeonato neste fim de semana, 26 e 27 de abril, em Cascavel, Oeste do Estado. Jetro Salazar, na MX1, Davis Guimarães, na MX3, e Mauriti Junior, na classe Intermediária, têm o compromisso de manter a liderança em suas categorias depois da vitória na prova de abertura, em Toledo, há um mês.
Tauan Brenner, que compete na categoria MX2, Léo Almeida, na Junior, e Thaina Fontes, na 65cc, têm como objetivo melhorar suas classificações no campeonato com bons resultados no fim de semana. “Nossa motivação no Paranaense é que ele serve como um excelente preparativo para as provas do Brasileiro. Todos têm condições de buscar resultados expressivos em Cascavel”, aponta Cale Neto, chefe de equipe da Escuderia X.

Recuperado de uma lesão no ombro direito, Tauan Brenner acredita em sua recuperação, após o sétimo lugar conquistado na abertura. “Ainda estou abaixo do 100% de meu preparo com a moto, pois fiquei algumas semanas afastado do treino. Mas, sinto que consigo andar forte neste fim de semana”, avalia o piloto da MX2.

Davis Guimarães também confia em seu bom desempenho no fim de semana. “Minha participação na abertura do Brasileiro me deu a ideia de que minha preparação para a temporada foi feita de forma correta. Agora, é manter os bons resultados na pista”, diz. Mauriti Junior sabe que a vitória em Toledo lhe colocou na disputa pelo título do campeonato e espera repetir o feito. “Sei qual a receita para vencer no Paranaense e espero repeti-la em Cascavel”, comenta.

Jetro Salazar, que está em Umuarama, a 170km de Cascavel, desde quarta-feira, treinando em uma pista arenosa, revela o que espera do fim de semana. “Quero manter um bom ritmo de corrida para completar mais uma etapa da minha preparação para o Brasileiro. Correr diante da torcida sempre é mais prazeroso do que os treinos diários na companhia somente do mecânico”, comenta o piloto da MX1.

Tags: No tags

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *