CIMG3111

Roteiros para Pirinópolis -GO

Roteiro excelente para um fim de semana.


Vamos direto ao assunto. Se você está em Brasilia e quer ir para “Piripa” de moto, te mostrarei três caminhos: O 1º pela BR 070, Ceilândia, Edilândia, Cocalzinho, Corumbá e Piripa. O 2º pela BR 060 até Alexânia, Olhos D’água, estrada de terra, muito morro e paisagem bonita, chagando alí por trás de Corumbá e finalmente Piripa.Este percurso deve dar uns 30 a 40 km de estrada de chão. O 3º  por Samambaia, Santo Antônio, Cidade Eclética, Muita estrada de chão e poiera,  ponte, Aparecida de Loyola, um santuário de vida selvagem (criadouro de felinos), mais estrada de chão, morro serra, paisagem bonita, Acesso por trás do Corumbá também e finalmente Piripa.Este percurso deve dar uns 50 a 70 km  de estrada de chão.O terceiro roteiro não é indicado para moto estilo custom, mas é  a praia das on off road. Já o segundo pode ser qualquer categoria e o primeiro não precisa de comentar.
Lá na cidade dos Pirineus você precisa de lugar para hospedar. tem uma centena de poudas e hotéis de todos  os tipos e gostos e tem até camping onde o pessoal gosta de fazer fumaça.

Particularmente não gosto de fubúia e agitos fiquei com minha esposa numa pousada Fênix, depoisa da meia ponte subindo a ladeira e pegando á esquerda para a saída do Vagafogo. Um lugar rústico tranquilo e ao mesmo tempo charmoso e com preço acessível.

Para comer você pode ir para os restaurantes super caros no centro da cidade, mas pode comer ne self service do lado de cá da meia ponte,  com comida goiana servida no rabo do fogão á lenha, onde ao lado tem também uma pamonharia e pizzaria e tem ainda outras opções intermediárias.
Locais para ir: a cidade é pequena e você não vai chegar lá de moto para ficar andando de moto no sitio urbano. Assim sendo te indico o complexo de cachoeira do Bonsucesso, onde tem um pedaço preservado da antiga estrada Imperial, onde “Cabra matreiro elegante numa cela, ia passando por tapera, por riachos e capões”, segundo o saudoso Edgar Souza  É ótimo para um passeio rápido de meio dia. Tem ainda a fazenda Vagafogo com trilhas, arvorismo, venda de artesanato e restaurante. Ou tu pode contratar um guia no Centro da cidade e  escolher um roteiro a seu gosto. ok?

Tags: No tags

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *